segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

MANÉ GOSTOSO CHEGA NO PRÓXIMO SÁBADO ( 14 ) NO 5º FESTIG‏ ÀS 16 HORAS NO CENTRO DE ARTE E CULTURA POETA MANUEL BANDEIRA ( IGARASSU - PE)

Mais do que um direito, brincar é fundamental na formação do caráter e no desenvolvimento de habilidades e da inteligência. Com base no princípio VII da Declaração Universal dos Direitos da Criança – “a criança deve desfrutar plenamente de jogos e brincadeiras, os quais deverão estar dirigidos para educação; a sociedade e as autoridades públicas se esforçarão para promover o exercício deste direito” – o Centro de Criação Galpão das Artes, de Limoeiro, em Pernambuco, desenvolve o projeto Mané Gostoso e o Vaivém do Lúdico, vencedor na categoria Ações Educativas da 26ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade. Criado em 1987, o prêmio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) é um reconhecimento a ações de proteção, preservação e divulgação do patrimônio cultural brasileiro. O projeto consiste em oficinas dirigidas aos educadores da rede pública estadual que confeccionam e perpetuam o brinquedo Mané Gostoso. O objetivo é salvaguardar a cultura da infância ao promover as condições essenciais para o desenvolvimento sustentável em benefício das gerações atuais e futuras desse brinquedo popular. O Mané Gostoso é um boneco que tem as pernas e os braços movimentados por meio de cordões, apresentando articulação de madeira e desenvolvendo noções de coordenação motora e equilíbrio. O boneco é articulado, suspenso em um fio, preso entre duas varetas de madeira e que pela pressão da mão produz movimentos de malabarismo.


Acredita-se que o espaço escola, onde os educadores atualmente inovam suas práticas de sala de aula, seja o mais fiel e autêntico para difundir o escoamento da prática e confecção do brinquedo popular. É se apropriando do elo entre o artesão e a pedagogia do brincar que o projeto celebra uma aliança entre educação e cultura perpetuando a garantia da tradição do brinquedo – símbolo da infância no Nordeste setentrional.

A oficina que permite aos educadores a transmissão dos saberes e fazeres do brinquedo Mané Gostoso enquanto ferramenta de ludicidade, também estuda e ensina sobre a pedagogia dos brinquedos e das brincadeiras, o papel da cultura na infância e o que representa para a criança aprender a fazer seu próprio brinquedo. Por partes, primeiro se confecciona as partes do boneco, depois se recorta e pinta o boneco, recorta e pinta o trapézio, monta-se e testa-se o brinquedo. E o que parece simples já ampliou o acervo de brinquedos populares no Ponto de Memória Galpão das Artes, montou-se o espetáculo teatral para crianças Mané Gostoso – de autoria da escritora Elita Ferreira e se difundiu o brinquedo ampliando a venda do Mané Gostoso confeccionado pelo artesão limoeirense Jorge Raimundo, parceiro no projeto.

ADAPTAÇÃO DA OBRA DE ELITA FERREIRA : Charlon Cabral
ENCENAÇÃO : Charlon Cabral
Cenário e figurino : Coletivo
Elenco:  Jadenilson Gomes
                Tarcísio Queiroz
                 Charlon Cabral


SINOPSE

A história gira em torno de um dono de circo chamado seu Neco que ao lado de sua esposa dona Lucrécia promoviam a alegria da criançada daquele lugar. E a maior atração do circo era o Mané Gostoso que encantava mais que os palhaços do circo. Seu Neco era um homem criativo e muito dedicado ao seu circo. Quando certa vez, a presença de um estranho criou um incômodo para todos. Um homem de aparência bizonha e bizarra rouba a maior atração do circo: Mané Gostoso. Até que seu Neco foi a delegacia chorando de tanto desgosto pelo súbito desaparecimento. As crianças também tomaram conhecimento e juntaram-se ao delegado na busca do brinquedo. E juntos encontram numa hospedaria o estranho homem e o Mané Gostoso. Que ao ver seu Neco ao lado das crianças saltou em alegria ao perceber que estava livre das mãos daquele homem estranho.

SATED - PE Parabeniza seus filiados


quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

5°FESTIG – FESTIVAL DE TEATRO DE IGARASSU
DE 10 DE A 20 DE DEZEMBRO DE 2013

Espetáculo: Mané Gostoso
Grupo/Cia: Ponto de Memória Galpão das ArtesLimoeiro/PE


Centro de Artes e Cultura Poeta Manoel Bandeira
14 de dezembro, sábado de 2013 às 16h

SINOPSE:

Mané Gostoso desapareceu, e agora? Logo ele que era a grande atração do Circo de seu Neco. Como faria para alegrar a criançada? Com a ajuda do delegado e das crianças, seu Neco foi em busca do seu amigo. Vamos ajudar a procurar?

Direção : Charlon Cabral
Elenco: Tarcísio Queiroz, Jadenilson Gomes e Charlon Cabral
Texto: Elita Ferreira
Participação do músico: Rodolfo Vieira

Fotografia de Hélder Santana